Internação psiquiátrica involuntária

Internação psiquiátrica involuntária


Não é fácil para uma família lidar com a dependência química de um ente querido. Em geral, quando mais o tempo passa, mas as pessoas se sentem sem alternativas, vendo que a pessoa piora cada vez mais.  

É comum que as conversas não surtam efeito, pois o dependente afetado pelas substâncias tóxicas perde a capacidade de perceber os prejuízos que o vício está causando em sua vida.

Nesse contexto, surge o seguinte questionamento: quando a família deve intervir de forma mais contundente e obrigar o ente querido a receber tratamento? É sobre isso que falaremos hoje.

Quando a família deve interceder e obrigar o dependente a se tratar?

 A família deve intervir quando o dependente se torna um risco para si e para outras pessoas. Ele pode ser agressivo, especialmente quando está passando por momentos de abstinência e necessita de dinheiro para satisfazer o vício.

Quando ele não consegue mais controlar sua vida e sua única motivação é usar drogas repetidamente, quando seu trabalho, estudo e/ou relacionamento está sendo afetado, é o momento de procurar ajuda.

Internação Psiquiátrica Involuntária

Nessas horas, a família deve buscar uma internação involuntária. Ela acontece por decisão dos entes queridos, ainda que o dependente não queira, por achar que não está doente.

O Instituto Abraão tem experiência nestes casos, podendo inclusive disponibilizar o serviço de remoção do paciente, indo buscá-lo, seja em uma ambulância ou carro descaracterizado para proceder a internação.

Nossos profissionais são especializados e podem realizar os procedimentos de forma humanizada, a fim de que seu ente querido seja o mais bem tratado possível.

Trata-se de uma internação psiquiátrica porque a dependência é uma doença que afeta a mente da pessoa. Durante a internação, esta mente será tratada e um dos profissionais que respondem por este tratamento é o médico psiquiatra.

A internação involuntária nunca é uma decisão fácil, porém, muitas vezes, se faz necessária para garantir a vida do dependente. Ela só deve ser solicitada se todos os recursos disponíveis já tiverem sido esgotados.

Entregue seu familiar aos cuidados do Instituto Abraão, veja-o ser tratado da forma convencional e tenha também a oportunidade de presenciar a recuperação da fé em si mesmo e na vida, cultivando a certeza de que dias melhores estão por vir, de que é possível se curar e ter uma nova oportunidade.

Blog

Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química

Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química

A dependência química é um problema grave de saúde, e afeta não só o dependente químico, mas também seus familiares

O que é abstinência alcoólica e qual o tratamento?

O que é abstinência alcoólica e qual o tratamento?

Também conhecida por síndrome da abstinência alcoólica (SAA), é composta por diferentes sintomas que se apresentam em pacientes que são dependen

Como conviver com drogado e procurar ajuda

Como conviver com drogado e procurar ajuda

A maioria das pessoas que são usuárias de drogas não reconhecem que precisam de ajuda e que não conseguem se controlar

Quando uma pessoa pode ser considerada alcoólatra

Quando uma pessoa pode ser considerada alcoólatra

As bebidas alcoólicas estão presentes diariamente na vida do brasileiro, seja por questão cultural ou social.