Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química


Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química

A dependência química é um problema grave de saúde, e afeta não só o dependente químico, mas também seus familiares.

As clínicas de recuperação são locais que possibilitam tratamento adequado e especializado para esse tipo de problema.

Esses locais possuem uma estrutura especializada e direcionada para o tratamento e suporte do dependente químico durante o processo de recuperação.

Desde a internação, o paciente recebe o auxílio necessário para passar por todas as fases do tratamento.

A clínica de recuperação, é um local preparado para acolher dependentes químicos que querem melhorar de vida. O tratamento todo é voltado ara recuperação do paciente, com foco na sua reinserção social, sem perigo de recaídas.

 

Como funciona a clínica de reabilitação

Antes de iniciar o tratamento, o paciente passa por uma triagem e avaliação, onde é feito uma pesquisa de seu estilo de vida atual, grau de dependência, e vários exames para detectar possíveis problemas de saúde.

O início do tratamento começa com a desintoxicação do paciente, com o objetivo de promover a eliminação das drogas e/ou álcool do organismo.

É essencial que o paciente seja tratado por uma equipe multidisciplinar, pois a dependência química é uma doença muito específica e a equipe tem que estar preparada para tudo o que ocorre no tratamento.

 

Tratamentos

O tratamento em uma clínica de recuperação pode variar de acordo com cada caso, pois após a avaliação já é possível ter uma noção do quanto a pessoa estava dependente de álcool ou drogas.

Além do nível de dependência, o tempo de consumo e a frequência do uso também são analisados.

Além da desintoxicação, o tratamento inclui terapia individual e em grupo, uso de medicações, atividades físicas, exercícios laborais e outros benefícios que vão auxiliar o paciente que estiver em recuperação.

 

Tipos de Internação

Internação Voluntária – nesses casos o tratamento é feito de acordo com o consentimento do próprio dependente, que assina uma declaração alegando estar ciente que está iniciando um tratamento em uma clínica de recuperação.

Nesses casos, o paciente tem consciência que não conseguirá se livrar das drogas sozinho e que precisa de ajuda profissional. Um acompanhamento médico também é feito nesses casos.

Internação Involuntária – esse tipo de internação não depende do consentimento do dependente, pois ele está em um estágio de dependência que não possui mais consciência do seu estado.

Esse tipo de tratamento é indicado quando o dependente químico começa a representar uma ameaça para outros e para si mesmo. Ocorrem mediante pedido de familiares de primeiro grau, e um laudo médico, que conste a necessidade do tratamento, mesmo contra a sua vontade.

Internação Compulsória – é determinada pelo juiz e não dependente da autorização de seus pacientes nem de familiares.

O laudo médico também é necessário nesses casos, pois é preciso comprovar que a pessoa precisa de um tratamento especializado para ficar longe das drogas e do álcool.

As atividades desenvolvidas em clínicas de recuperação ajudam o dependente na retomada de sua vida e criação de hábitos mais saudáveis. O Instituto Abraão oferece o que há de melhor em tratamento nessa área.

Agende uma visita conosco!

Blog

Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química

Como funciona um programa especializado na recuperação da dependência química

A dependência química é um problema grave de saúde, e afeta não só o dependente químico, mas também seus familiares

O que é abstinência alcoólica e qual o tratamento?

O que é abstinência alcoólica e qual o tratamento?

Também conhecida por síndrome da abstinência alcoólica (SAA), é composta por diferentes sintomas que se apresentam em pacientes que são dependen

Como conviver com drogado e procurar ajuda

Como conviver com drogado e procurar ajuda

A maioria das pessoas que são usuárias de drogas não reconhecem que precisam de ajuda e que não conseguem se controlar

Quando uma pessoa pode ser considerada alcoólatra

Quando uma pessoa pode ser considerada alcoólatra

As bebidas alcoólicas estão presentes diariamente na vida do brasileiro, seja por questão cultural ou social.